Blog Comer Sem Culpa

24/10/2012

Perder peso não é tudo, mas um bom começo!

Desde sempre nós acreditamos que perder peso significava ganhar saúde e preservar a vida. Várias evidências científicas já foram apresentadas revelando benefícios da perda de peso e riscos da obesidade para o coração das pessoas. Dentre elas, os diabéticos são reconhecidamente mais susceptíveis a eventos cardiovasculares graves como o infarto e a morte decorrente dele. Nada de novo em relação a esses dados.

Para nossa surpresa, os dados preliminares de um grande estudo com diabéticos obesos revelaram resultados ditos “negativos” para a relação obesidade – diabetes – doenças cardíacas. Tal estudo, denominado Look Ahead acompanhou mais de cinco mil pacientes diabéticos com sobrepeso ou obesidade e não observou benefícios cardiovasculares entre aqueles que receberam orientações com dieta e exercícios físicos e perderam mais peso em relação ao grupo controle orientado com informações gerais sobre o diabetes.

Esses resultados não muda em nada nosso conhecimento a cerca da importância da perda de peso para esses pacientes. O estudo apenas revela que não basta comer menos calorias sem adequar os nutrientes. Não basta perder peso sem controlar os outros fatores de risco como a pressão arterial e o colesterol. Finalmente, a perda de 5% do peso corporal é realmente muito aquém do que precisamos para proteger o coração dos diabéticos.

Apesar dos resultados do estudo em relação à mortalidade cardiovascular, os pacientes que perderam peso, mesmo tão pouco, melhoraram sua qualidade de vida em vários aspectos.  Houve redução da apneia do sono e dos problemas urinários e puderam ser mantidos com menos remédios. Na certa, a intensificação desse programa, com maior perda de peso revelará a importância do emagrecimento para a prevenção das doenças cardiovasculares e da vida dos nossos pacientes com diabetes.

Estamos certos de que perder peso não é tudo, mas é um bom começo!

Por Citen às 08h14

Ir para UOL Ciência e Saúde

Sobre o blog

Comer corretamente pode parecer uma tarefa impossível nos dias de hoje. O tempo é curto, a ansiedade generalizada e as informações são, muitas vezes, simplistas e tendenciosas, idealizando alguns alimentos e difamando outros. Esquecemos da premissa que, em Nutrição, não existem alimentos ruins, e sim dietas inadequadas. A idéia deste blog é esta - mostrar que a dieta ideal é possível e prazerosa. Juntos, podemos controlar calorias e balancear os nutrientes, respeitando as nossas emoções.

Sobre as autoras

Dra. Ellen Simone Paiva -

Endocrinologista e nutróloga, diretora do Citen (Centro Integrado de Terapia Nutricional). Mestre na área de Nutrição e Diabetes pela USP e especialista em Transtornos Alimentares pela Unifesp. Colunista dos sites Minha Vida, Guia do Bebê e do Blog de Especialistas da Dican.


Dra. Amanda Epifânio Pereira -

Nutricionista, especialista em Nutrição de Doenças Crônicas pelo Hospital Israelita Albert Eistein e em Transtornos Alimentares pela Unifesp.

Histórico